terça-feira, 25 de novembro de 2014

Evangelho do dia 25 de novembro

Lc 21,5-11

Naquele tempo, 5algumas pessoas comentavam a respeito do Templo que era enfeitado com belas pedras e com ofertas votivas. Jesus disse: 6“Vós admirais estas coisas? Dias virão em que não ficará pedra sobre pedra. Tudo será destruído”. 7Mas eles perguntaram: “Mestre, quando acontecerá isto? E qual vai ser o sinal de que estas coisas estão para acontecer?”
8Jesus respondeu: “Cuidado para não serdes enganados, porque muitos virão em meu nome, dizendo: ‘Sou eu!’ E ainda: ‘O tempo está próximo’. Não sigais essa gente! 9Quando ouvirdes falar de guerras e revoluções, não fiqueis apavorados. É preciso que estas coisas aconteçam primeiro, mas não será logo o fim”.
10E Jesus continuou: “Um povo se levantará contra outro povo, um país atacará outro país. 11Haverá grandes terremotos, fomes e pestes em muitos lugares; acontecerão coisas pavorosas e grandes sinais serão vistos no céu”.

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Deus faz grandes coisas por intermédio dos pequenos

O anjo disse a Maria que, para Deus, nada é impossível e ela deu o seu “sim” ao Senhor. Nossa Senhora ainda era uma menina, imaculada, pura, por isso pôde dizer: “Eis aqui a escrava do Senhor”. Ela esperava pelo Salvador, como todos O esperavam, mas nunca imaginara que Ele viesse dela. Essa graça era grande demais para o entendimentos dela, mas Deus a escolheu.
Como isso aconteceu já que ela era tão pequena? Porque para Deus nada é impossível. O Senhor faz grandes coisas por intermédio dos pequenos. É para o pequeno e para o humilde que Ele manifesta a Sua glória.
“O que agrada a Deus, em minha pequena alma, é que eu ame a minha pequenez e minha pobreza. É a esperança cega que tenho em Sua misericórdia”.
É difícil, para o orgulhoso, acolher sua pequenez e assumir que é pequeno. Por isso assuma-se e ame-se, pois o que agrada a Deus e o que dá liberdade para Ele agir em nós é quando somos pequenos, pobres e humildes e assumimos nossa pequenez.
Sou uma “poeirinha”, mas Deus olha para mim, põe os olhos em mim, como disse Maria. E isso acontece porque sou pequeno. Aceito, assumo e amo a minha pequenez. Maria nunca quis ser grande, por isso o Senhor olhou para ela e fez nela maravilhas.
Seu irmão,
Monsenhor Jonas Abib
Fundador da Comunidade Canção Nova

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

"Primavera de Museus" na Arquidiocese

O Museu Arquidiocesano de Arte Sacra (Maas)  participará pela primeira vez do “Primavera de Museus”, que mobiliza os museus do país a trabalhar em torno de uma mesma temática envolvendo ações com foco na comunidade, além de estimular e incentivar a visitação a museus.
 Este ano será a 8ª edição do “Primavera de Museus”, que terá como tema ‘Museu criativo’. O Museu Arquidiocesano de Arte Sacra estará desenvolvendo diversas atividades de 24 a 28 de setembro, de 9h às 16h, com entrada gratuita.
Na programação constam as palestras: dia 24 de setembro, das 13h às 16h, “História da Arte Sacra no Brasil: uma colônia barroca”, sob a responsabilidade da doutora em história da arte, Janayna Ayres. Dia 25 de setembro, das 13h às 15h, “Devoção Mariana a partir dos 4 dogmas de Maria’, com o doutor em teologia, padre Waldecir Gonzaga. Dia 26 de setembro, das 13h às 15h, “Conservar para não Restaurar”, com a mestre em história e crítica de arte, a restauradora Mônica. Dia 27 de setembro, a partir das 13h, será a sessão pipoca com o filme “Karol: O Homem Que Se Tornou Papa", que retrata a vida de São João Paulo II antes de se tornar Papa. E, finalizando, dia 28 de setembro, das 11h às 16h, haverá medições e oficinas de artes voltadas para crianças.
O Museu Arquidiocesano de Arte Sacra está localizado na Catedral de São Sebastião do Rio de Janeiro, na Avenida Chile, 245, no Centro. Mais informações pelo telefone: 2240-2669 ou pelo email maas@catedral.com.br.
Fonte: arqrio.org